Entre em contato com a Versátil

Construção Civil

Equipamentos obrigatórios para obras em altura

O uso de equipamentos de proteção individual é obrigatório na construção civil. Confira no artigo os EPIs necessários para obras em altura.

Noticia Versatil em destaque

O trabalho em altura faz parte da rotina da construção civil e expõe os trabalhadores a diversos riscos. Por isso, o uso de equipamentos de proteção individual (EPIs) e a adoção das medidas da NR-35 são tão importantes no canteiro de obras.

A NR-35 é uma norma que estabelece os requisitos mínimos e as medidas de proteção para trabalhos em altura — realizados a mais de dois metros do nível inferior e com risco de queda.

De acordo com a norma, é dever do empregador fornecer gratuitamente todos os EPIs necessários para a realização das atividades. Já ao empregado cabe fazer a correta utilização dos equipamentos, seguindo as instruções e normas previstas.

Confira alguns dos equipamentos obrigatórios essenciais para executar trabalhos em altura:

1 - Cinto de segurança tipo paraquedista

Mesmo que todas as medidas necessárias sejam tomadas, o trabalho em altura ainda expõe os trabalhadores ao risco de queda constante. Por isso, é essencial utilizar um cinto de segurança em qualquer atividade realizada a mais de dois metros do chão.

Preso ao corpo do trabalhador, o cinto de segurança tipo paraquedista é fixo a um talabarte e a um ponto de ancoragem, atuando como uma sustentação para o profissional em caso de queda.

Este EPI pode ainda ser utilizado em conjunto com outros dispositivos, garantindo um trabalho em altura mais seguro e tranquilo para todos.

2 - Talabarte simples

Formado por uma fita com ponto de ancoragem, o talabarte é um equipamento de segurança fundamental no canteiro de obras, pois atua como uma extensão do cinto de segurança, permitindo sua correta utilização.

De modo geral, o talabarte funciona como uma conexão que prende o trabalhador a uma estrutura segura durante a realização de atividades em altura.

3 - Talabarte Y

Este modelo de talabarte tem o formato da letra Y e é considerado mais seguro, pois apresenta três pontos de ancoragem — um deles se conecta ao cinto de segurança e os outros dois a pontos de ancoragem seguros.

O talabarte em Y é obrigatório para atividades que oferecem um alto risco de queda, como o trabalho em andaimes.

Além de ser mais seguro, este equipamento também permite maior mobilidade ao trabalhador, uma vez que os pontos de ancoragem podem ser alternados.

4 - Talabarte ajustável

O talabarte ajustável funciona como um complemento ao talabarte simples ou Y, permitindo que o trabalhador desempenhe atividades com as duas mãos de forma mais segura.

Este EPI proporciona três pontos de ancoragem que conferem maior estabilidade ao trabalhador durante a realização das tarefas em altura.

5 - Trava-quedas

O trava-quedas é utilizado em conjunto com o cinto de segurança e os talabartes, principalmente durante atividades que exigem maior movimentação dos colaboradores.

Como o próprio nome sugere, este EPI funciona como uma presilha travadora que segura o cinto do trabalhador durante movimentos bruscos ou até mesmo quedas.

Contudo, é importante ressaltar que existem vários tipos de trava-quedas adequados para diferentes atividades em altura. A escolha do equipamento ideal deve ser realizada por profissionais capacitados e especialistas em segurança do trabalho.

6 - Capacete com jugular

EPI essencial para trabalhos em altura, o capacete com jugular protege a cabeça do trabalhador de pancadas e queda de objetos durante as atividades.

A fita jugular garante a total fixação do capacete na cabeça do trabalhador, evitando que o equipamento se solte ou caia devido aos movimentos constantes.

Segurança no canteiro de obras

Como vimos, os EPIs são essenciais para as atividades nos canteiros de obras. No entanto, quando se trata de obras em altura, também é necessário investir em equipamentos de proteção coletiva (EPCs), como andaimes, escadas e rampas de alta qualidade.

A Versátil Andaimes é especializada em equipamentos para construção civil e oferece soluções seguras e eficientes de acesso à altura.

O portfólio da Versátil conta com:

Andaimes;

Balancim;

Sistemas de escoramento;

Aparalixo;

E muito mais…

Todos os equipamentos seguem as obrigatoriedades da NR-18 e são submetidos a rigorosos processos de manutenção e revisão.

Alugue os equipamentos para a sua obra com a Versátil Andaimes.

Entre em contato com nossa equipe e solicite um orçamento.

Mais lidas

Noticia Versatil em destaque
Obras

Residencial Azaléias MRV - Bela Vista Palhoça / SC

Leia mais
Noticia Versatil em destaque
Obras

Em construção, Vittace Guarapuava!

Leia mais
Noticia Versatil em destaque
Construção Civil

Diferença entre coluna, pilar, viga e laje

Leia mais

Leia também

Noticia Versatil em destaque
Andaimes

Como os andaimes tubulares podem melhorar a produtividade de sua obra

Confira no artigo como o andaime tubular pode ajudar a melhorar a produtividade no seu canteiro de obras.… Leia mais
Noticia Versatil em destaque
Construção Civil

Qual a diferença entre escoramento, cimbramento, reescoramento e escoramento remanescente?

Confira no artigo o conceito de escoramento, cimbramento, reescoramento e escoramento remanescente e entenda a diferença entre os termos.… Leia mais
Noticia Versatil em destaque
Construção Civil

O impacto da inflação na construção civil

Saiba mais sobre o cenário da construção civil em meio à inflação causada pela pandemia do coronavírus.… Leia mais

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

ENTRE EM CONTATO COM A VERSÁTIL

Selecione a Versátil mais próxima de você

Imagem vazia -versatil